quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

EU TE AMO



Eu te amo!
Queria que tua alma triste
Encontrasse repouso e paz
Em minha alma perdida e triste

Mas isso é impossível não vai rolar
Tua alma se perdeu no passado
Minha alma se perdeu no passado
Cada qual em uma história, uma dor...

No entanto em minha dor há culpa
Há sombras, há solidão medo e trevas
Verdades ocultas que não foram ditas
Gestos que foram amarrados, tolidos

Minha alma não tem conserto
O tempo não volta, não há mais luz
Tudo se curvou, tudo se calou
Tudo sangrou como eu mesma sangrei

E no sangue derramado ficaram vestigios
Vestígios de amor, de lágrimas, de dor
Eu me perdi em ti, em teu querer...
Não há mais como voltar...

Está muito tarde pra mim... 
Mas eu te amo
e aconteça o que acontecer
Pra sempre vou te amar...




 


Nenhum comentário: