domingo, 10 de janeiro de 2010

Eu - Maria Antonieta Lima


EU

Amo a noite quando ela é silêncio e paz.
Sinto o vento tocar em meu rosto
Vivendo a liberdade deste momento.
Amo a chuva tocando minha pele
e cheiro de terra molhada,
que me recorda um passado bom.
Amo o entardecer que me traz
a certeza da missão cumprida
e o merecedor descanso.
Amo cada amanhecer...
que me conduz a alegria de ter
acordado por mais um dia.
Mas, também Amo teu sorriso
mesmo quando não o vejo,
e esse teu jeito de ser ousado.
Sou como rosa perfumada
Encantando com magia e mistério.
Mas, também sou forte
Tempestade devastadora.
E onde quer que eu vá
levo comigo as lembranças
eternas de ti e a certeza
do meu amor...