sábado, 24 de outubro de 2009

Eterno - Maria Antonieta Lima

Anjos
Eternizei as lembranças de ti, amor
Numa música suave que toca em mim
O silêncio da noite me devolve você
Até o amanhecer, simples como um sonho

Sou apenas mais uma apaixonada sonhadora
Querendo os teus desejos mais profundos
Deixe-me mergulhar no teu amor
Bebendo na fonte inesgotável da tua vida

Descansarei protegida nos teus braços, amor
Sei que me guardas junto a ti
Tua doce presença me faz frágil
Sou cristal quebrado em tua ausência

É tênue e curta a linha que separa
Tristeza de saudade e as lágrimas da dor
Você foi, levando minha alegria, amor
Só tua volta me faz reviver

Teu amor é jóia preciosa e bela
Que me pertenceu até o alvorecer
Te guardo sincero em minh’alma
Como luz a iluminar meus caminhos

Anjos

Nenhum comentário: