sexta-feira, 25 de março de 2011

Quietude - Maria Antonieta Lima


Quietude

Ei, eu gostaria de te dizer agora
Que sinto muito a sua falta
Relembro os teus gestos doces
Não era para terminar assim
Não gostaríamos que fosse assim

Também gostaria que soubesse
Que agora estou recordando
Teu semblante seguro e sereno
Que ostenta sutil gentileza
Transmitindo quietude em você

Teu olhar é tão precioso e meigo
Demonstra proteção e mistério
Ainda o sinto bem aqui tão perto
E você está por aí, está tão longe...
Gostaria de sentir quietude em mim

Esperamos por tanto tempo
Um pelo outro, então
Por que nos afastamos
Se somos tão iguais
Não deveríamos estar tão distantes

Percebo que há quietude em teu olhar
Mas não em sua mente... o sinto aqui
E sei que me sente também perto
O que estamos fazendo?
Por que fizemos?

Eu deixo a mente voar
Quem sabe ver você voltar...
Vamos fazer diferente então
Sem machucar nossos corações
Que desejam estar tão perto

Um comentário:

Paty ǤŘéŁ Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Oiii
que blog mais lindinho, adorei!!!
Bjus e bom fim de semana!!
Paty